Repositório Institucional da UFPI

IMPACTO DA DERMOLIPECTOMIA DE ABDOME SOBRE O PERFIL LIPÍDICO E PARAMÊTROS ANTROPOMÉTRICOS DE PACIENTES COM EXCESSO DE PESO

DSpace/Manakin Repository

Show simple item record

dc.contributor.author VALE, Edison de Araujo
dc.date.accessioned 2019-02-26T16:30:25Z
dc.date.available 2019-02-26T16:30:25Z
dc.date.issued 2019-02-26
dc.identifier.uri http://hdl.handle.net/123456789/1611
dc.description Orientador: Prof. Dr. Maurício Batista Paes Landim. Examinador interno: Prof. Dr. Benedito Borges da Silva. Examinador interno: Prof. Dr. Carlos Eduardo Batista de Lima. pt_BR
dc.description.abstract RESUMO: A obesidade é uma doença metabólica crônica caracterizada pelo excessivo acúmulo de gordura corporal, que geralmente compromete a saúde humana, pelo risco potencial de desenvolvimento de doenças graves, e pode influenciar negativamente a imagem corporal do paciente. A abdominoplastia pode melhorar os aspectos estéticos e estruturais do abdome; todavia não há consenso quanto ao seu benefício em relação ao padrão lipídico dos pacientes. Objetivos: avaliar o impacto da abdominoplastia no perfil lipídico e parâmetros antropométricos de pacientes com sobrepeso e obesidade grau I. Método: Tratou-se de um estudo quantitativo, analítico, prospectivo, longitudinal e de intervenção, realizado em 15 pacientes, no Hospital Getúlio Vargas, em Teresina/PI, no período de abril a setembro de 2018. Os pacientes foram selecionados por conveniência e avaliados no pré-operatório, no transoperatório e três meses após, conforme um formulário estruturado. As análises estatísticas foram realizadas através do SPSS versão 20, software R versão 3.5 e o teste de Wilcoxon. A pesquisa foi submetida à apreciação e aprovada pelos Comitês de Ética em Pesquisa da UFPI e do HGV. Todos os usuários assinaram o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE). Resultados: Verificou-se que a idade média foi de 43,8 anos, predomínio do sexo feminino (93,3%), procedentes da zona urbana (93,3%) e piauiense (73,3%), 40% são do lar e 93,3% de cor parda. O peso médio do retalho ressecado foi de 2,07 kg. O peso, o índice de massa corporal e as circunferências de cintura, de abdome e de quadril, e razão circunferência cintura-quadril apresentaram redução significativa. A circunferência abdominal teve redução média de 7,4%, que correspondem a 7,87 cm (p<0,05). Não houve alteração significativa dos lipídeos no pós-operatório (p>0,05). No entanto, as medianas e as médias das diferenças entre pós e pré-operatório foram positivas. Conclusão: A abdominoplastia reduziu significativamente os índices antropométricos dos pacientes. Os níveis de colesterol e triglicerídeos não foram afetados. ABSTRACT: Obesity is a chronic metabolic disease characterized by excessive accumulation of body fat, which generally compromises human health, by the potential risk of developing serious diseases, and may negatively influence the patient's body image. Abdominoplasty can improve the aesthetic and structural aspects of the abdomen; however there is no consensus as to its benefit in relation to the patients' lipid pattern. Objectives: To evaluate the impact of abdominoplasty on the lipid profile and anthropometric parameters of patients with overweight and obesity grade I. Method: This was a quantitative, analytical, prospective, longitudinal and interventional study performed in 15 patients at Hospital Getúlio Vargas, in Teresina / PI, in the period from April to September 2018. Patients were selected for convenience and evaluated preoperatively, intraoperatively and three months later, according to a structured form. Statistical analyzes were performed using SPSS version 20, software version 3.5 and the Wilcoxon test. The research was submitted for appreciation and approved by the Research Ethics Committees of the UFPI and the HGV. All users signed the Informed Consent Term (TCLE). Results: It was verified that the average age was 43.8 years, predominantly female (93.3%), urban (93.3%) and Piauiense (73.3%), 40% are home and 93.3% brown. The mean weight of the resected flap was 2.07 kg. Weight, body mass index, and waist, abdomen and hip circumferences, and waist-hip circumference ratio showed a significant reduction. The abdominal circumference had an average reduction of 7.4%, corresponding to 7.87 cm (p <0.05). There was no significant alteration of the lipids in the postoperative period (p> 0.05). However, the medians and the means of the differences between post and preoperative were positive. Conclusion: Abdominoplasty significantly reduced patients' anthropometric indexes. Cholesterol and triglyceride levels were not affected. pt_BR
dc.language.iso other pt_BR
dc.subject Abdominoplastia pt_BR
dc.subject Dermolipectomia de abdome pt_BR
dc.subject Dislipidemia pt_BR
dc.subject Índices antropométricos pt_BR
dc.subject Obesidade pt_BR
dc.subject Antropometric indexes pt_BR
dc.subject Abdominoplasty pt_BR
dc.subject Abdomen dermolipectomy pt_BR
dc.subject Dyslipidemia pt_BR
dc.subject Obesity pt_BR
dc.title IMPACTO DA DERMOLIPECTOMIA DE ABDOME SOBRE O PERFIL LIPÍDICO E PARAMÊTROS ANTROPOMÉTRICOS DE PACIENTES COM EXCESSO DE PESO pt_BR
dc.type Preprint pt_BR


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

  • Mestrado em Saúde da Mulher
    Nesta Coleção serão depositadas todas as Dissertações do Programa de Pós-Graduação em Saúde da Mulher do Centro de Ciências da Saúde.

Show simple item record

Search DSpace


Advanced Search

Browse

My Account